Por que você deve beber vinho diariamente?

Por que você deve beber vinho diariamente?
Muito se ouve falar sobre os benefícios do vinho. O que é muito difundido é sobre a possibilidade de tomá-lo diariamente. Porém, você sabe dizer quais são as regras para que você faça a ingestão desse delicioso líquido sem que ele faça mal?

Primeiramente, é importante lembrar que há uma dose de álcool no vinho, logo, ele é classificado como uma bebida alcoólica. Isso já basta para saber que você está numa linha bem tênue entre o bom e o ruim. Mas tem como tirar muitos proveitos quando o consumo é moderado e nos horários corretos.

  • Consumo moderado = uma taça por dia;
  • Horários corretos = durante almoço ou jantar;

Seguindo essas diretrizes primordiais, vamos conhecer 5 benefícios que o vinho pode proporcionar.  Esses 5 itens que separamos são:

  • Uma Boa digestão
  • Ovários seguros
  • Coração forte e saudável
  • Saúde Mental
  • Combate o Envelhecimento



Então, vamos lá? Leia com atenção e escolha o seu favorito.

Uma Boa digestão


A primeira grande vantagem do consumo de vinho todo dia é a melhora da digestão . Este efeito positivo é devido à riqueza de bactérias saudáveis que estão concentradas nesta bebida . Essas bactérias promovem o equilíbrio da flora intestinal e, assim, ajudam a favorecer a assimilação de nutrientes. Tudo isso age para que a digestão do que foi consumido aconteça de uma forma muito mais tranquila e correta.

Ovários seguros


Essa segunda dica que separamos é especial para as mulheres que pretendem adotar tal prática. Uma taça diária de vinho pode fazer uma grande diferença na vida das mulheres. Pesquisas realizadas na Austrália demonstram que tal hábito reduz em até 50% as chances de uma mulher desenvolver câncer de ovário. Os especialistas suspeitam que este benefício é atribuído tanto à sua grande quantidade de antioxidantes e/ou seus fitoestrógenos.

Coração forte e saudável


Quando consumido da forma adequada (como foi falado acima), o vinho torna-se um excelente aliado no fortalecimento do coração, deixando-o saudável e longe das doenças comuns. O vinho age de uma forma que ajuda a relaxar os vasos sanguíneos e fortalecer a saúde cardiovascular. Além disso, o vinho tem como outro diferencial a possibilidade de regular os níveis de açúcar no sangue e reduz o risco de desenvolvimento de cancro do cólon.

Saúde Mental


Há diversos estudos que apresentam resultados positivos com relação a boa memória de pacientes que possuíam o hábito de consumir vinho com frequência acima do habitual (e respeitando todas aquelas regrinhas que já citamos acima). Isto ocorre, pois o vinho ajuda a combater  a formação de coágulos de sangue e alivia a inflamação, dois fatores que costumam ser associados ao declínio no ritmo de trabalho do cérebro.

Combate o Envelhecimento


Deixamos por último uma das principais vantagens de se tomar uma taça vinho sempre no almoço ou jantar. Essa, talvez, está entre as vantagens mais difundidas quando o assunto é o consumo diária de vinho, pois quem aqui não gostaria de ficar com a aparência jovem pelo máximo de tempo possível? E isso ocorre devido ao fato do vinho ser uma grande fonte de antioxidantes. Os antioxidantes protegem o organismo dos danos causados pelos radicais livres perpetuados . E com essa ação, há uma preservação, retardando o envelhecimento.

Esses 5 fatores positivos que apresentamos sobre o consumo diário de vinho podem servir de incentivo para que você comece a adotar tal prática. Mas lembre-se da moderação e dos melhores horários que indicamos acima. Uma dica final é que você priorize o horário que você terá certeza que não será necessário dirigir, afinal, você corre sérios riscos se for pego numa blitz policial.

Read More

Férias, um direito que ninguém pode tirar

Férias, um direito que ninguém pode tirar
O direito as férias foi legitimado através da Consolidação das Leis do Trabalho no governo de Getúlio Vargas em 1943. Esse direito foi conquistado após diversas manifestações da classe operária em prol de melhores condições de trabalho. A Constituição Federal de 1988 também enfatiza sua garantia.

O gozo pelas férias como é chamado, é realizado entre os 12 meses ou até os 24 meses da contratação do profissional, não podendo ultrapassar esse período. Se o direito as férias extrapolar o período de 24 meses, cabe ao empregador o dever de ressarcir o trabalhador com o dobro da remuneração.

O direito as férias nada mais é do que a necessidade de proporcionar ao trabalhador um período de descanso como forma de proporcionar bem estar mental e físico. Esse descanso pode ser de 30 ou 20 dias, no caso de 20 dias deve-se somar mais 10 dias em outro período.


Esse descanso deve ser remunerado, ou seja, o trabalhador receberá seu salário mensal acrescido de um adicional de 1/3, que equivale a 33% a mais do valor de seu salário e esse valor acrescido é conhecido como Abono Salarial.

Além desse adicional, as horas extras referentes ao período trabalhado também devem ser calculadas e incluídas na remuneração. Porém, nesse acréscimo financeiro, vale ressaltar que é descontada uma porcentagem referente ao INSS e ao Imposto de Renda.

As férias deverão ser sempre iniciadas em dias úteis e apesar de ser um direito trabalhista, cabe ao empregador a decisão a respeito do período em que o trabalhador irá desfrutar de tal descanso, mas dentro do período estipulado pela legislação. É necessário que o empregador informe o trabalhador no mínimo 30 dias antes da concessão do período de férias, para que o mesmo possa se organizar. Caso o empregador não respeite o direito trabalhista, ou não pague o abono salarial, é necessário buscar auxílio e orientação junto ao Ministério do Trabalho.

Trabalhador, o descanso remunerado é direito seu! Não deixe de usufruir e nem que ele lhe seja retirado, pois muitos brasileiros no passado lutaram para que você pudesse ter esse direito. Aproveite.
Read More